em Blog, Espaços de Coworking

É comum termos a ideia de que o Coworking é um ambiente descontraído, com pessoas vestidas à sua maneira, trabalhando deitadas em pufs… Sim! Isso acontece em muitos Coworkings, mas ainda sim eles possuem um manual de boas práticas. – Ou pelo menos deveriam possuir.

O Coworking é um espaço aberto à comunidade e coletividade e, por este motivo, exige que algumas regrinhas sejam criadas para lembrar seus membros de usar o bom senso ao compartilhar o ambiente de trabalho.

Geralmente, o manual de boas práticas para Coworking possui práticas simples, mas que são fundamentais para estabelecer limites, reforçar os direitos compartilhados e garantir um bom ambiente de trabalho para todos.

 

O que não pode faltar no manual de boas práticas de um Coworking

 

Selecionamos abaixo algumas normas que consideramos importantes por aqui. Aproveite para tirar insights importantes para montar o seu manual de boas práticas.

1. Não perturbe os colegas

Essa é nossa primeira dica para o manual de boas práticas e uma das mais importantes, afinal é preciso respeitar o espaço do outro para se viver em um ambiente compartilhado.

Indique, no manual, que o coworker utilize fones de ouvido para ouvir música e que se atente ao tom de voz ao atender ligações telefônicas no ambiente compartilhado.

2. Não quebre nada de propósito

Provavelmente você já viu, em algum filme, a icônica cena da impressora emperrada recebendo alguns tapinhas para voltar a funcionar. Essa regra no manual de boas práticas serve justamente para lembrar os membros de seu Coworking de evitar essas situações desagradáveis.

Estabeleça regras de uso e os incentive a ter cuidado com equipamentos compartilhados: a máquina do xerox, a impressora e o telefone, por exemplo.

3. Faça bom uso dos ambientes compartilhados

Banheiros, copa e cozinha são alguns dos ambientes que serão divididos por todos. E, apesar de existir a manutenção diária de limpeza, é interessante deixar claro no manual de boas práticas que os espaços compartilhados precisam ser mantidos em ordem para o bom uso de todos.

Ahh… Também lembre-os de avisar quando algo estiver em falta. Nem sempre a administração do Coworking consegue manter tudo em ordem durante o dia. Por isso, é uma ótima prática que eles avisem quando acabar para que as reposições sejam feitas e os próximos a usar não fiquem sem.

4. Não deixe itens espalhados pelo ambiente

Insira no seu manual de boas práticas ações de segurança simples, mas que faz com que as pessoas reflitam sobre seu modo de usar o espaço compartilhado.

Trancar a porta ou portão sempre ao sair, jamais deixar objetos valiosos (como carteiras e notebooks) pernoitar no local ou avisar o segurança quando for receber algum convidado são algumas das regras que você pode implantar.

Por fim, apele para o bom senso sobre o uso de tomadas e papel, por exemplo, para evitar injustiças e desgastes desnecessários no relacionamento.

Também aproveite para definir uma “política da boa convivência” para equilibrar a convivência, incentivando o networking e a cooperação entre os participantes do coworking. 

Então, gostou das dicas? Nós também temos um eBook que pode te ajudar (e muito) na criação do seu manual de boas práticas. Baixe agora gratuitamente o eBook Regras De Conduta que podem facilitar a administração do seu espaço de coworking.

Deixe um Comentário